quinta-feira, 17 de abril de 2014

PROFUNDO...

Profundo...


Saber você sobre todas as coisas,
No meu dia a dia é alegria,
Em noites solitárias meu drama,
É frio instalado em minha cama...

A tua mágoa me maltrata a alma,
É profunda causa de medo é segredo
Contido dentro do ego e me apego,
Neste teu vício desde o início...

É me ver contido neste teu mundo,
É o profundo misturado no raso,
Simplesmente um caso com teu acaso...

Ter você é meramente viver ou morrer,
Viver esse amor e morrer ao teu lado,
É amar você e me fazer amado...

Marco A. Alvarenga