quarta-feira, 15 de julho de 2015

AMOR DA MINHA VIDA


Imagem - autor desconhecido


“ AMOR DA MINHA VIDA “

Porque te quero assim hei – de vencer,
Por mais dura e difícil a batalha,
Ainda que ela possa ser mortalha,
Término deste meu triste viver.

O futuro só Deus pode saber
O que ele determina nunca falha,
O nascer e morrer, no céu se talha,
Ninguém pode essa linha inverter.

Tu és meu grande amor, minha alegria,
O Sol que me aquece e que me guia
Rompendo com a triste escuridão.

Na grande elevação do meu sentir,
Da tua boca amor só quero ouvir
Palavras que me falem de paixão.

Abílio Ferradeira de Brito