terça-feira, 10 de junho de 2014

LIBERDADE PARA SONHAR



Foto: images liberdade


LIBERDADE PARA SONHAR


Sonhei que um amor forte me gerou!
Que ao nascer motivei muita alegria!
Que nada precisei ou me faltou,
Que até a felicidade me sorria…

Sonhei que ao crescer me alegrou,
Sentir a liberdade, essa magia,
Qual pássaro liberto que voou,
Saindo da gaiola que o prendia!...

Sonhei ainda, estar num mundo novo,
Onde sobressaía o meu país,
Dando uma vida alegre a todo o povo…

Neste sonho fui tudo quanto quis!
Para o tornar real, montanhas movo,
Pra ter o que mereço: ser feliz!

José Manuel Cabrita Neves