segunda-feira, 25 de agosto de 2014

SONHOS


Foto:  images sonhos


SONHOS


Os sonhos de futuros imaginados,
Íntimos sentimentos de emoção,
Dormem no pensamento acordados
E são pela manhã desilusão…

Fantásticos cenários animados,
Gestos indefinidos, confusão!
O riso e o sofrimento misturados,
Num sono que devora a escuridão…

A mente criadora inventa, pensa:
Desejos de amor e harmonia,
Para acalmar a guerra que se adensa…

Quer de noite a dormir como de dia,
Sente-se o latejar de uma presença,
Que há-de trazer a paz e a alegria…

José Manuel Cabrita Neves